terça-feira, 19 de maio de 2015

Figurino e exposição na facul

Oi!

Como estão?
Recentemente, o Seminário e Congresso Moda Documenta foi realizado na FASM, onde estudo. Eu me inscrevi no mini-curso de modelagem da Belle Époque, com Beth Filipecki e Edmar Galvão, figurinistas da novela Lado a Lado da Globo (2012-2013).

Foi muito interessante! Os palestrantes eram bem animados e simpáticos, e explicaram desde algumas coisas sobre a modelagem, até como funciona o figurino para a televisão, processo de trabalho e materiais utilizados. Além de, claro, terem trazido várias peças do figurino para a gente babar em cima.


O modelo de corset usado pelas atrizes, amarrado do modo correto - no centro, e não em uma das extermidades, por favor.


Saia de seda pintada à mão.



  

 Esse conjunto era maravilhoso, feito com milhares de pedaços de rendas diversas!


Infelizmente não tivemos tempo de realizar todas as atividades planejadas para o mini-curso, mas mesmo assim foi um belo aprendizado.

A faculdade também montou uma exposição com trabalhos de conclusão de ex-alunos de Moda - inclusive de alguns professores meus. Separei alguns dos meus preferidos pra vocês darem uma olhada!


Essa bota da esquerda é LINDA e eu quero pra mim.

 
Toda bordada à mão!


Mais fotos aqui. E eu vi um pessoal gravando uma entrevista, mas não sei se/quando sai.

Por hoje é só, mas acho que finalmente teremos posts mais frequentes esse mês! :D
Até a próxima!


segunda-feira, 27 de abril de 2015

Meeting de Páscoa em Campinas

Olá!

Eu já fazia parte do grupo Moda Lolita de Campinas no Facebook, mas nunca tinha coragem de comparecer aos meetings sendo que não conhecia nenhuma lolita de lá. Então quando a Karine ofereceu carona para ir junto no meeting de Páscoa, fiquei muito feliz! :D
De Atibaia a Campinas demora mais ou menos 1 hora, mas com a conversa e ótimas músicas tocando no carro o tempo passou rapidinho. O meeting foi na Gôla Gelateria.


Lolitas de Atibaia~

 
No começo não tinha muita gente, mas depois o pessoal foi chegando e enchendo o lugar!

Carol, Gabriela e Leila. Adorei conhecê-las, são muito fofas!


Pessoas que adoram comer :D


Eu tomei um sorvete de chocolate amargo e chocolate com laranja e comi um pão de queijo no palito. Eram bons, mas não tão especiais.




Coord bem básico~ não uso lolita há séculos!
Achei meio 50's.


 O grupo todo!


 A timidez me atrapalhou, gostaria de ter interagido com mais pessoas, mas adorei conhecer a comunidade de Campinas! Todas com quem conversei eram muito legais. Ir com pessoas que eu já conheço também ajudou bastante, às vezes me sinto perdida em meetings em que não conheço ninguém.
Me diverti bastante ontem, muito obrigada a todos!
Até a próxima!










sexta-feira, 3 de abril de 2015

Fofurices

Oi!

Bem, como vocês já devem saber ando muito envolvida com meu projeto de TCC da faculdade e coisas do atelier, portanto infelizmente não tenho tempo de construir posts cheios de conteúdo e tal.

Mas isso não quer dizer que o blog vai ficar completamente sem atualizações! O post de hoje é um agrupado de comidas gostosas, comprinhas e outras fofurices.

Sempre falo que curto ir no karaoke mas acho que nunca postei fotos do que mais frequento, o Porquê Sim, na Liberdade!


Estantes de mangás do Porquê Sim e comida num outro restaurante da Liberdade cujo nome não lembro :x


Esses são de outra ida ao karaokê/Liberdade! "Almoçamos" na Itiriki. Nas fotos, dois tipos de choux cream e um quiche de queijo. Acho lindos esses doces com chantilly e morangos, mas não como de jeito nenhum lol



Fui com azamigas nessa confeitaria especializada em cupcakes, chama-se Luana Davidsohn. Achei genial a decoração com forminhas e os cupcakes eram bem gostosos.

Até parece que eu sou super ~gastronômica~, mas a realidade é que meus amigos amam comer e eu aprecio mais a companhia!

Agora, as compras:


Lixeiras da Daiso, comprei para o Atelier. Deveria ter comprado mais, são muito fofas.



Queria comprar isso há anos e achei na Daiso: é tipo uma folha plástica, você recorta, pinta como quiser e leva ao forno. Ela encolhe, fica grossinha e bem rígida. Fiz o teste no fogão comum (era pra ser no forninho elétrico) e demorou um monte, mas deu mais ou menos certo! Só ficou torto porque mexi antes de esfriar...


Pendurador fofo mas que não aguenta peso, e botões de metal para forar com tecido, ambos também comprados na Daiso. Eu teria comprado a loja inteira, sempre tem muita coisa legal, mas infelizmente não cabia no carro hahaha.


Botões que forrei! Fofos, não?


Espelho de mão muito gracinha e pulseira comprados em uma loja que não conhecia, a SoulQ.

Ah e eu acho que não postei isso ainda, mas um tempo atrás eu testei (só em casa mesmo, haha) fazer uma maquiagem shironuri:

Achei mais ou menos, vou tentar algo mais elaborado no futuro!

Por hoje é só!
Até a próxima~


sábado, 14 de março de 2015

Meu atelier!

Olá, como vão?

Quero postar sobre isso há um tempo, acho que já está arrumado o suficiente para mostrar pra vocês: meu novo espaço criativo, meu atelier! <3

Como vocês sabem (eu acho), eu mesma faço boa parte das minhas roupas, e também peças para vender e algumas encomendas. Além disso, estou no 4º ano da faculdade de Moda e vou ter que criar mais peças ainda. Fazer tudo isso em casa já não estava mais dando certo: não cabia mais nada no quarto, a sala ficava uma bagunça e era difícil me concentrar.

Foi aí que surgiu a ideia de alugar uma sala para montar o atelier! Eu e minha mãe pintamos, reformamos móveis antigos, compramos alguns novos, e pouco a pouco estou decorando e deixando tudo com a minha cara.

♦ Antes

A sala veio assim, lilás (blergh) e bem vazia! Tem uma antessala/recepção, uma divisória de gesso, a sala maiorzinha e no fundo uma mini-copa e banheiro.



♦ Durante


Uma das primeiras coisas que fizemos foi mudar a cor das paredes lilases. A da sala principal ficou branco-gelo para manter o espaço iluminado, assim como uma das paredes do banheiro (sem fotos, desculpem). A tinta branca, quando ainda úmida, pareceu escura e amarelada, mas depois de secar ficou perfeito!

 Glamour = 0

A parede da recepção eu queria porque queria que fosse vermelha, e foi assim que descobri que tinta vermelha é um negócio complicado. Optei por comprar uma tinta já pronta, feita na verdade para pisos.


Parecia muito bonita na cartela e nas amostras, um vermelho sangue, mas tomei um susto ao abrir a lata e me deparar com um vermelho berrante tipo aquele do MS Paint. Foi aí que notei o nome da cor: "Vermelho Emergência", as in vermelho de sinalização de extintor.

O jeito foi usar essa tinta mesmo, torcendo muito para ficar mais bonita e escura ao secar, ou teríamos que pintar tudo de novo. Manchou muito nas primeiras demãos, levou umas 4 camadas para cobrir.

Finalmente, quando secou, ela escureceu! Ainda é um vermelho chamativo, mas ficou bem bonito, estou satisfeita com a cor.






O próximo passo eram os móveis. Compramos logo uma arara de roupas e um manequim, que eu forrei para ficar mais macio e bonitinho. Tive uma dificuldade enorme em encontrar mesas adequadas para corte e costura, e acabei escolhendo reformar uma mesa que tinha em casa desde que eu me entendo por gente.

Eu lixei a mesa toda, minha mãe cobriu com tinta spray preta fosca. Mais pra frente tem fotos dela pronta, inclusive com o tampo que cobri com oleado (aqueles plásticos de toalha de mesa)!


 

Compramos também uns banquinhos de madeira bem simples e pintamos com o que sobrou da tinta vermelha. Bancos coloridos assim são vendidos por mais de R$100 em lojas, vale muito a pena pintá-los em casa!

Tá ficando!

Bem, ainda precisava de algo para guardar meus materiais de trabalho, e a solução foi um armário super simples. O montador só poderia vir à noite, então eu tive a brilhante ideia de falar que ele não precisava vir, eu ia montar sozinha o armário. Porque eu sou muito habilidosa e experiente. Só que não.

AAAAHHHH!

Depois de umas 3 horas isso foi tudo o que consegui fazer


Aí eu desisti e liguei de novo pro moço que ia montar. Ele veio e montou tudo profissionalmente em uns 30 minutos, foi super caprichoso e ainda fez o favor de furar a parede para eu pendurar um quadro. 

Moral da história: chave de fenda velha não serve, tem que ter aquela furadeira mágica do moço.

Depois disso foi uma boa faxina, os acessórios e toques finais: toalhas, lixeiras, cabides, coisinhas para decorar e, claro, todos os meus tecidos, máquina de costura, aviamentos, réguas e um rolo gigante de papel kraft.






♦ Depois

Tchã-rã! Ou quase. Pra mim decoração é um processo longo: conforme eu vou usando o atelier, eu vou notando que preciso de certas coisas, ou que algo não está sendo funcional, e mudando de acordo.

~ Entrada ~

Molduras provençais com estampas provençais <3
Eu realmente espero conseguir uma cadeira antiga para colocar nesse espaço.

~ Sala de Trabalho ~




Nesse espaço eu ainda gostaria de ter uma mesa só para a máquina de costura, uma cortina e flores para a janela, um espelho de corpo inteiro e provavelmente precisarei de outro armário.

Estou amando trabalhar no atelier. É tranquilo, confortável, e me ajuda a concentrar e produzir mais. Com dá pra ver, já tem algumas coisas na arara e no manequim, e outros projetos em andamento. Quero terminar tudo logo e disponibilizar na loja no Facebook!

Outra coisa legal é que vou dar aulas de desenho aqui: básico, desenho de moda e mangá. Quem é de Atibaia (ou vai só visitar) pode marcar um horário para ter aulas de desenho, dar uma olhada nas peças a pronta entrega ou simplesmente conhecer o atelier!

Fica na Al. Lucas Nogueira Garcez, 1329, Sala 10. É importante marcar horário porque eu não fico lá o dia todo, por conta da faculdade.


É isso, pessoal! Espero que tenham gostado tanto quanto eu, e que venham me visitar um dia desses! 
Se quiser saber onde consegui ou o preço de algo, é só deixar um comentário ;)

Até a próxima!